Televendas: 11 4226-5509
WhatsApp: 11 99948-2568
INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES

Ímãs na engenharia

Como a tecnologia pode evitar balanços em arranha-céus com ímãs.

Grandes prédios podem balançar diante de algumas situações como ventos, por exemplo, o que gera um risco que é capaz de comprometer toda a obra. Com o objetivo de achar uma solução para esse problema, os engenheiros da torre The Shangai Tower, localizado no distrito financeiro da maior cidade de toda a China. No lugar de pêndulos, os profissionais instalaram um ímã gigantesco na base do prédio.

Ímãs na Engenharia

Essa inovação permite que nenhum tipo de sensação seja percebida em todos os 121 andares, por cerca de 630 metros que compõem a obra. No projeto, um pêndulo de 1000 toneladas de aço é preso por cabos de aço, para que mantenha a inércia e identifique possíveis instabilidades. Para evitar os balanços indesejados, ele também conta com grandes amortecedores hidráulicos. E, por último, está o ímã gigante abaixo de toda a composição.

O objeto magnético é composto por 125 ímãs de alto campo e o resultado de tudo isso é que eles conseguem criar um campo magnético contrário às forças externas, mantendo tudo no lugar. Mesmo com a presença de ventos fortes, a construção continua com sua estabilidade.

Andressa Luz