Televendas: 11 4226-5509
WhatsApp: 11 99948-2568
INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES

Gerador de energia reciclando ímãs de neodímio

Material foi obtido a partir de HDs queimados que seriam descartados

Alguns alunos das escolas do Sesi de Três Lagoas, cidade do Mato Grosso do Sul, ganharam visibilidade por apresentarem um projeto inovador na 10ª edição da Olimpíada do Conhecimento, que aconteceu entre os dias 5 e 8 de julho, no CICB (Centro Internacional de Convenções do Brasil), em Brasília (DF).

Os estudantes Elian Abrão, Renata Pereira e Letícia da Silva criaram um gerador de energia com imãs de neodímio, material encontrado em HDs queimados – que seriam provavelmente descartados na natureza.

projeto com imas de neodímio
projeto com imas de neodímio

“Desde o início pensamos em criar um projeto que fosse desenvolvido para ser limpo e renovável, já que a maioria da energia que existe hoje é poluente e, muitas vezes, não-renováveis. Então tivemos a ideia de pegar esses imãs, que são encontrados em HDs queimados, e criar o gerador de energia. Fizemos diversos testes com outros materiais, como rodas de bicicleta, spinner e exaustores, até pensarmos em colocar indutores como engrenagens que, com pouca movimentação, conseguem um alto aproveitamento, gerando bastante energia”, revelou a aluna Renata Pereira, que estuda na 1ª série do Ensino Médio.

Para o professor Celson Júnior, a participação dos alunos na Olimpíada do Conhecimento é um momento para que aprimorem o conhecimento e desenvolvam ideias para aprimorar o projeto. “Este é um momento para que os alunos adquiram muita experiência, tanto científica quanto cultural, algo que, de modo geral, não se vê na educação básica, e o Sesi está proporcionando isso e inspirando docentes e alunos para que se aperfeiçoem cada vez mais neste caminho”, concluiu.

A Olimpíada do Conhecimento 2018 apresenta, em um espaço de 25 mil m², a Cidade Inteligente e a Escola do Futuro, mostrando inovações que prometem melhorar a qualidade de vida nos centros urbanos e revolucionar a educação.

Andressa Luz