Televendas: 11 4226-5509
WhatsApp: 11 99948-2568
INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES

Violoncelo magnético – Ímãs modificando o jeito de fazer música

Você já imaginou um violoncelo similar ao tradicional, mas que apresenta todo um funcionamento à base de magnetismo? Pois esse é o experimento de um jovem dos Estados Unidos, David Levi, um estudante que é também conhecido como Magnetovore.

Ele desenvolveu o primeiro violoncelo magnético, sem cordas, que produz som por meio da utilização de ímãs.

Instrumento tradicional x Violoncelo com ímãs

O projeto de Magnetovore tem o tamanho similar ao violoncelo comum, produz uma melodia semelhante a ele, mas se destaca por não utilizar cordas.

Como tocar o violoncelo sem cordas?

Para que consiga tocar o instrumento, o músico vai precisar utilizar um eletroímã, que é uma barra imantada no lugar do arco, responsável por induzir voltagem em uma bobina, com o objetivo de controlar o volume do som. O eletroímã é alimentado por uma bateria portátil e movido por meio de uma bobina de cobre.

Como isso funciona?

Em vez de cordas, ele possui faixas com resistência elétrica, que são ligadas a um oscilador controlado por voltagem. De acordo com a velocidade, direção e distância do ímã, campos elétricos variantes são induzidos no cobre e produzem sons diferentes.

O volume das notas pode ser manipulado facilmente pelo músico, com os dedos em uma fita que cobre o braço do violoncelo. No protótipo, David Levi trabalhou aspectos como a manipulação do instrumento musical e o tom da melodia, a fim de proporcionar melhores resultados na experiência.

Confira a demonstração de David Levi no vídeo abaixo!

Andressa Luz