Televendas: 11 4226-5509
WhatsApp: 11 99948-2568
INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES

Bondinho no Rio de Janeiro tem freio magnético

O tradicional Bonde de Santa Teresa volta a funcionar com novas tecnologias

O bonde de Santa Teresa, no Rio de Janeiro, voltou a funcionar e conta com freio magnético de emergência no trilho e sistema de GPS. O bondinho liga o centro da capital carioca com o Bairro de Santa Teresa, além disso, ele é uma atração turística e uma relíquia do antigo meio de transporte urbano.

bonde do rio de janeiro
bonde do rio de janeiro

O feio magnético foi instalado para evitar acidentes, como o que ocorreu em 2011, quando 50 pessoas ficaram feridas. A ideia era agregar tecnologia, principalmente nos quesitos de segurança, mas preservar as características do bonde original. “O bonde possui quatro sistemas de freios, sendo o quarto um freio magnético, de emergência que para o bonde sob qualquer circunstância.” afirma o Secretário Estadual de Transportes, Carlos Roberto Osório.

Além das novas tecnologias, o famoso “trem amarelo” ganhou outras regras de utilização. Para garantir a segurança dos passageiros, não é mais permitido pessoas em pé no transporte e a lotação máxima é de 32 pessoas.

bomdinho rio de janeiro
bondinho rio de janeiro

O bonde de Santa Teresa foi inaugurado em 1896, durante a República Velha. Na época, os bondes eram um meio de transporte comum nas grandes cidades brasileiras e muito utilizado pelos moradores.

Por enquanto, as passagens não estão sendo cobradas, então aproveite para conhecer Santa Teresa, um bairro boêmio, e um dos principais pontos turísticos do Rio de Janeiro.

Caroline Ramos