Televendas: 11 4226-5509
WhatsApp: 11 99948-2568
INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES
SOLICITE SEU ORÇAMENTO
NÓS LIGAMOS PARA VOCÊ

INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES
Voltar ao topo

Grades Magnéticas

 
Vídeo

Grades magnéticas são equipamentos para separação ferrosa de matéria prima, fabricadas em aço Inox em várias dimensões, largamente utilizada em diversos ramos industriais. Desde indústria de plásticos e derivados, a produtos químicos, farmacêuticos, mineração e alimentícios.

Seu uso tem como objetivo evitar contaminações em matérias-primas com materiais ferrosos sejam eles pó, pregos, parafusos, cavacos, retalhos e/ou qualquer outro tipo de pedaço de ferro que possa contaminar um lote de matéria-prima ou um produto finalizado. Outro objetivo muito importante é evitar que peças avulsas (pregos, parafusos, pedaços de ferro em geral) entrem em máquinas danificando-as, causando maiores prejuízos.

Todos os nossos equipamentos magnéticos são fornecidos com Relatório Magnético, garantindo a qualidade e a densidade do fluxo magnético indicados na compra. Nossos instrumentos são calibrados e certificados anualmente.

A MagTek desenvolve e fabrica equipamentos de acordo com sua aplicação. Faça agora mesmo o download do catálogo das grades magnéticas no final da página para conhecer as características técnicas e solicite-nos um orçamento. Não deixe de nos consultar em caso de dúvidas!

APLICAÇÃO DAS GRADES MAGNÉTICAS

A grade magnética, como um separador magnético, é usada para a retenção de contaminantes ferrosos em lotes de matérias-primas e/ou no produto já finalizado e também para evitar que pedaços de ferros danifiquem máquinas causando prejuízo com sua substituição/manutenção e com a parada da linha de produção.

Na indústria alimentícia e farmacêutica, principalmente em finais de processos/empacotamento é altamente indicado o uso destes equipamentos com ímãs de Neodímio (Terras Raras), devido a sua altíssima capacidade de retenção de micro partículas ferrosas (abaixo de 1 mm), inclusive óxidos ferrosos até peças maiores que podem soltar das máquinas durante o processo.

Na indústria com injetoras e extrusoras de plástico são indicadas também as grades magnéticas com ímãs de Ferrite, pois atende as necessidades com baixo custo. Seu uso é normalmente para evitar que peças como pregos e parafusos e outros pedaços ferrosos possam danificar os equipamentos.

A grade magnética é também indicada para uso em diversos outros setores da indústria, podem ser construídas de acordo com a sua necessidade, nossos consultores podem ajudá-lo (a) a definir qual equipamento adequado para sua aplicação. Em alguns casos o uso de grade magnética não é viável ou não é indicado, neste caso pode ser recomentado o uso de placas, filtros, tambores ou polias, todos magnéticos.

FUNCIONAMENTO DAS GRADES MAGNÉTICAS

O funcionamento da grade magnética é simples, não necessita de energia elétrica por ser construída com ímãs permanentes. Basta instalá-la (encaixar) na entrada/saída do equipamento e usar. O material, ao ser despejado, irá diretamente ao encontro do tubo magnético ou do defletor que obrigará o material a encostar no tubo fazendo com que 100% do material passe encostado ao magnético. O material irá escoar e o que tiver de contaminante ferroso irá ficar preso ao tubo.

No final do processo recomenda-se a limpeza, retirando os contaminantes do tubo e descartando-os, dessa forma ocorrerá sempre uma descontaminação eficiente. Caso não haja essa limpeza periódica, há o risco de “saturar” o sistema com grandes quantidades de partículas e o mesmo perde sua eficiência.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DAS GRADES MAGNÉTICAS

As grades magnéticas podem ser construídas com os quatro tipos de ímãs permanentes: AlNiCo, Ferrite, Neodímio ou Samário Cobalto, dependendo da aplicação à que será destinada.

As grades magnéticas com ímãs de Neodímio ou Samário Cobalto são as mais indicadas onde se têm contaminantes ferrosos pequenos, micro partículas ferrosas (abaixo de 1 mm), como por exemplo, cavacos e pó de ferro (geralmente é mais indicada em aplicações/indústrias alimentícias). As de Neodímio podem ser fabricadas com campo magnético de 3.500 a 12.000 Gauss, a temperatura de trabalho pode variar entre 80°C a 150°C dependendo do modelo. Já as grades de Samário Cobalto são indicadas onde a temperatura atinja os 300°C.

As grades de Ferrite, podem trabalhar até 180°C, são indicadas onde os contaminantes têm tamanhos maiores, como por exemplo, pregos, parafusos, arames. São utilizadas principalmente em início de processos de fabricação e em indústrias plásticas, neste caso se obtém sucesso na separação com um custo baixo comparado aos outros modelos.

As grades de AlNico quase não são utilizadas devido ao seu alto custo e baixa densidade de fluxo magnético, porém a vantagem é que suporta temperatura até 550ºC.

Todos os modelos são soldados com sistema TIG, os tipos de acabamento variam de acordo com o modelo e aplicação, que podem ser: jateado, escovado, polido ou eletropolido.

TIPOS DE GRADES:

GRADE MAGNÉTICA SIMPLES, DUPLA OU COM MOLDURA:

Disponível em diversas dimensões e modelos para atender a todos os tipos de aplicações a fim de proporcionar o maior índice de descontaminação ferrosa, a grade magnética é fabricada em aço Inox linha 300 (não magnético), o que significa força e durabilidade, além de ser aceita em aplicações alimentícias. Os tubos da grade possuem diâmetros de Ø25,4mm (1”), Ø19,05mm (3/4”) ou 12,7mm (1/2”) e são magnetizados de ponta a ponta.

Os modelos padrões possuem defletores tubulares de ø6,35mm(1/4”), instalados entre e acima dos tubos com o objetivo de direcionar a matéria-prima no tubo magnético, garantindo mais eficiência na separação ferrosa. A grade magnética também pode ser dupla fileira para facilitar a vazão do material de trabalho e reforçar a separação magnética. Para ambos os modelos também podem ser fabricadas com molduras em aço inox.

GRADE MAGNÉTICA GAVETA SIMPLES OU COM CARCAÇA:

A grade magnética gaveta, com moldura e alça que facilitam na hora da limpeza/remoção do local. Nosso padrão de fabricação são com tubos de ø25,4mm (1”), também podem ser simples ou duplas, para especificá-la corretamente é necessário principalmente conhecer a granulometria e vazão do material no sistema.

Para facilitar a instalação as grades magnéticas tipo gaveta, elas podem ser fornecidas com carcaça e flanges. Em caso de instalação em tubulações, o cliente deve apenas cortar a tubulação de acordo com a altura da grade, soldar as contra-flanges (também fornecemos se solicitadas) e parafusar a carcaça da grade na tubulação. Não é necessário se preocupar com projetos, pois a MagTek desenvolve o sistema de acordo com o tipo de matéria-prima e vazão, evitando assim, a aglomeração de material.

Para a limpeza deste equipamento, basta interromper a passagem de matéria prima no sistema, abrir as borboletas laterais, remover a grade e efetuar a limpeza manualmente. Assim como todos os equipamentos, a falta de limpeza pode ocasionar a “saturação ferrosa” anulando a eficiência magnética do equipamento.

GRADE MAGNÉTICA SEMI-AUTOMÁTICA:

As grades magnéticas com limpeza semi-automática, assim como todos os outros modelos, são 100% construídos em aço inox, desde molas, grampos, guias, todos os componentes das grades magnéticas MagTek são em aço inox, podem ficar expostas ao ar, chuva que não sofrerão oxidação em nenhum componente.

Este tipo de grade não necessita ser retirada do local para efetuar a limpeza, basta abrir os grampos laterais e “puxar” a gaveta, o nosso sistema de raspadores internos, limpam os tubos, despejando as partículas ferrosas em um recipiente externo. Desta forma, a grade já pode ser fechada e o processo reiniciado. O recipiente é removível para facilitar o descarte das partículas ferrosas, evitando o contato com a matéria-prima.

O material utilizado nos raspadores não são porosos e não têm contato com a matéria prima, desta forma é muito indicado principalmente em indústrias alimentícias e farmacêuticas.

GRADE MAGNÉTICA AUTOMÁTICA:

As grades magnéticas automáticas são fabricadas sob medida e possuem um sistema elétrico controlável para limpeza, evitando assim paradas de produção, pois por se tratar de um sistema de grades duplas, enquanto uma delas é recuada automaticamente para limpeza, a outra garante a retenção das partículas. Por não depender de intervenção humana para limpeza, este sistema garante a eficiência total do sistema de separação ferrosa da matéria prima.

CUIDADOS E SEGURANÇA COM AS GRADES MAGNÉTICAS

Assim como todos equipamentos magnéticos e eletromagnéticos portadores de marca-passo e algumas próteses metálicas devem manter distância destes equipamentos. Cuidado ao manusear ferramentas e/ou peças metálicas próximas a equipamentos magnéticos para não causar acidentes, principalmente com os dedos e mãos.