Televendas: 11 4226-5509
WhatsApp: 11 99948-2568
INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES
SOLICITE SEU ORÇAMENTO
NÓS LIGAMOS PARA VOCÊ

INDÚSTRIA
BRASILEIRA
ATENDEMOS TODO O BRASIL
E AMÉRICA LATINA
FABRICAMOS
SOB MEDIDA
FINANCIAMOS EM
ATÉ 48x via BNDES
Voltar ao topo

Filtros Magnéticos

 
Vídeo

Os filtros magnéticos MagTek são classificados em dois tipos, filtros bala e filtros para líquidos. Ambos, sendo um tipo de separador magnético, têm como objetivo a descontaminação ferrosa de materiais. A contaminação ferrosa nos materiais é um grande problema para as indústrias alimentícias, farmacêuticas, etc.

Ela pode ocorrer tanto na colheita de matéria prima, quando no processo de trituração, desgaste de máquinas e equipamentos que acabam misturando ao material muito resíduo ferroso, pedaços de pregos, parafusos e contaminando alimentos, remédios, etc.

Outro ponto importante é evitar que estes ferrosos em dimensões maiores entrem nas máquinas e causem algum dano nos equipamentos.

Com o decorrer dos anos as indústrias cada vez mais preocupadas com a qualidade de seus produtos vêm implantando este tipo de equipamento em seus processos, as auditorias de qualidade estão cada vez mais exigentes com relação a isso e também a qualidade do equipamento instalado. Por isso a Magtek desenvolve filtros magnéticos sob medida, de acordo com a aplicação. Entenda mais sobre os filtros magnéticos lendo o descritivo abaixo. Faça o download do catálogo no final da página agora mesmo para conhecer as características técnicas e solicite-nos um orçamento. Não deixe de nos consultar em caso de dúvidas!

Aplicação dos Filtros Magnéticos

Ambos os modelos de filtros magnéticos são indicados para indústrias alimentícias, farmacêuticas, químicas, etc. Filtros tipo Bala: Instalação em tubulações verticais, onde há grande fluxo de materiais sólidos e perigo de entupimento da via dependendo do grau de umidade e de aglomeração de material. Ex.: Farinha, ração, amido, café, grãos, pó, massas, etc. Filtro para Líquidos: Instalação em tubulações de líquidos. Ex.: Leite, caldas, água, xaropes, soluções químicas, etc.

 Funcionamento dos Filtros Magnéticos

A ilustração a seguir mostra a entrada de materiais contaminados no filtro magnético. As partículas ferrosas ficam retidas no tubo central onde estão localizados os ímãs e a matéria prima vai para a saída do filtro. Para a limpeza destas partículas ferrosas basta interromper a passagem de matéria-prima, abrir a porta lateral no caso dos Filtros tipo Bala e limpar o tubo magnético com um pano ou estopa. No caso dos filtros magnéticos para líquidos, o processo é parecido, basta interromper o fluxo de material, abrir a presilha superior e puxar a tampa com os tubos magnéticos para realizar a limpeza. A frequência de limpeza deve ocorrer de acordo com a contaminação do material, pois se os intervalos de limpezas forem muito grandes, depois que o tubo magnético estiver cheio de partículas ferrosas, as demais passarão pelo filtro diminuindo a eficiência do equipamento.

Funcionamento do Filtro Magnético Bala
Funcionamento do Filtro Magnético Bala

Especificação Técnica dos Filtros Magnéticos

Os dois modelos de Filtros Magnéticos podem ser construídos em aço inox linha 300 (não magnético), com um custo um pouco maior, porém com vida útil elevada, pois não há perigo de oxidação e também em aço carbono com pintura em epóxi onde o custo é mais reduzido comparado ao de aço inox, porém em alguns casos, principalmente em instalações expostas ao ar, podem ter sua vida útil reduzida devido ao risco de oxidação. Os tubos magnéticos, diferentes das carcaças, são sempre construídos em aço inox linha 300. Os filtros magnéticos Magtek são fabricados sob encomenda, portanto quando solicitar um orçamento pediremos algumas informações, tais como: – Tipo de Matéria prima, para cálculo da área magnética e densidade de fluxo magnético (Gauss); – Granulometria ou Viscosidade; – Vazão/ pressão, para cálculo dimensional da estrutura do filtro; – Diâmetro ou dimensão da tubulação para dimensionamento da entrada e saída do filtro; – Temperatura de trabalho, pois alguns tipos de ímãs “perdem” o campo magnético se exposto a altas temperaturas. Podem ser usados em tubulações redondas, quadradas ou retangulares, pois a flange de fixação de entrada/saída ou roscas são dimensionadas de acordo com a aplicação. Os filtros magnéticos Magtek podem ser fornecidos em ímãs de Ferrite, Neodímio, ou Samário Cobalto, com densidades de fluxo entre 2.000 a 12.000 Gauss dependendo da aplicação e temperaturas até 250°C, dependendo do tipo de ímã usado.

Cuidados e Segurança com os Filtros Magnéticos

Assim como todos equipamentos magnéticos e eletromagnéticos portadores de marca-passo e algumas próteses metálicas devem manter distância destes equipamentos. Cuidado ao manusear ferramentas e/ou peças metálicas próximas a equipamentos magnéticos para não causar acidentes.